Pin It
quarta-feira, maio 24, 2017
Home > Itapevi > Mutirão contra o Aedes chega ao Vitápolis neste sábado (18)

Mutirão contra o Aedes chega ao Vitápolis neste sábado (18)

Agentes da Prefeitura já visitaram 11 mil casas e recolheram 474 toneladas de entulho

Este é o sétimo mutirão contra o Aedes realizado pela Prefeitura de Itapevi, neste ano
(Divulgação PMI)

Realizados pela Prefeitura de Itapevi, os mutirões de combate ao Aedes Aegypti chegam neste sábado (18) ao bairro Vitápolis. O objetivo da ação é eliminar focos do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya e conscientizar a população de que o combate ao Aedes deve ser permanente.

As equipes da Prefeitura passarão pelas seguintes ruas do bairro: Paulo José Fernandes, Pitombas, Graviolas, Cerejas, Codorna, Marcos José de Souza, Cajamangas, Tamarindos, Açaís, Lafaiete Rodrigues, Zenith, Mangas, Mangabas, Gaivotas, Carambolas, Cajus, Mediterrâneo, Umbus, Austral e Áurea.

A campanha de combate ao Aedes começou na primeira semana de janeiro. Desde então, a administração municipal tem trabalhado para conscientizar a população sobre a importância de eliminar os focos do mosquito, realizando ações de rotina e mutirões nos bairros, distribuindo informativos e colocando banners e outdoors em pontos estratégicos da cidade.

Os mutirões acontecerão todas as semanas até abril, fim do período em que a incidência do mosquito aumenta em todo o país. O trabalho é uma parceria das secretarias de Infraestrutura e Serviços Urbanos, Saúde e Bem Estar e Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente.

Balanço

Este é o sétimo mutirão realizado pela Prefeitura em 2017. Até o momento, equipes de limpeza e da operação Cata-Bagulho, que acompanham a ação, recolheram 474 toneladas de entulho que, guardado em casa ou jogado na rua, poderia facilitar a proliferação do mosquito.

A campanha contra o Aedes aegypti visitou, neste ano, cerca de 11 mil casas de diversos bairros da cidade, eliminou 250 criadouros do mosquito e fez a colocação de tela em 387 caixas d’água.

No período, Itapevi registrou 50 notificações de suspeita de dengue. Destas, dois casos foram confirmados, 27 descartados e 21 estão em investigação. Foram registradas oito suspeitas de chikungunya e duas de zika vírus. Todas estão sendo apuradas, segundo a Secretaria de Saúde e Bem Estar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *