Pin It
terça-feira, setembro 19, 2017
Home > Jandira > 11ª Conferência Municipal de Assistência Social de Jandira

11ª Conferência Municipal de Assistência Social de Jandira

A cidade de Jandira realizou nesta terça-feira (25)  a 11ª Conferência  Municipal de Assistência Social, que teve como objetivo debater e reafirmar a Assistência Social como política pública garantidora de direitos.  O evento foi realizado no Teatro Municipal Luiz Gonzaga localizado, das 8h às 17h.

O encontro teve como objetivo debater e reafirmar a Assistência Social como política pública garantidora de direitos com atuação central nos usuários. Com o tema: “Garantia de Direitos no Fortalecimento do Sistema Único de Assistência Social (SUAS)”, a conferência, além de prever a participação popular nas sugestões das políticas públicas, serviu para eleger delegados para a conferência estadual, que acontece em outubro.

As conferências são convocadas pelo poder público e são espaços de caráter propositivo e deliberativo em que são debatidas e avaliadas coletivas públicas junto aos moradores fortalecendo a participação social.

Na abertura dos trabalhos, o prefeito Paulo Barufi ressaltou o empenho da administração municipal em se promover avanços sociais. “Estamos retomando ações sociais há muito tempo estagnadas em Jandira, como a aquisição de cestas de alimentos e a reativação do Banco Municipal de Alimentos. Em um momento de crise como a que estamos vivendo no país, ações como essas são importantes para a segurança alimentar de inúmeras famílias da cidade. Precisamos avançar e as discussões de hoje são fundamentais para que possamos elevar os índices sociais em Jandira”, disse Paulo Barufi.

Organizada pela Secretaria de Desenvolvimento Social, a Conferência foi precedida por uma série de encontros em todas as unidades sociais de Jandira, com o objetivo de estimular a participação popular e divulgar as políticas de Assistência Social desenvolvidas na cidade. “É preciso que a população tenha mais conhecimento sobre as formas de acesso aos benefícios socioassistenciais a que tem direito, e a realização desta Conferência é justamente para ampliar o acesso a essas informações”, ressaltou a secretária Lurdete Kummer.

Participaram do evento o vice-prefeito Manoel Domingues, a secretária de Finanças, Ana Lúcia Fonseca, a diretora de Políticas Públicas para a Mulher e Igualdade Racial, Márcia Bandeira Barufi, a controladora-geral do município, Tzvetana Inês Loureiro e o presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Paulo José Marques Lobato.

 

Eixo Norteador:

” Garantia de Direitos no Fortalecimento SUAS”

 

Fortalecer  e reafirmar a  assistência social como política pública garantidora de direitos com foco de atenção nos usuários é um dos objetivos desse tema, onde durante o processo conferencial foi debatido o acesso aos serviços, as demandas reais, os direitos sociais e o controle social na perspectiva da política de assistência social.

De forma complementar os eixos temáticos auxiliam a pensar e debater as propostas futuras para o Município, Estado e União.

O Eixo Norteador, bem como os Eixos Temáticos foram apresentados pelo Conselho Nacional de Assistência Social e tem como base o II Plano Decenal de Assistência Social (2016 – 2026).

”Temos um tema sugestivo que é a garantia de direitos e fortalecimento da SUAS, então a gente tenta transmitir na vida da pessoa a responsabilidade que ela tem na garantia dos direitos dela onde precisa estar ciente de seus direitos sendo consciente do sistema de Assistência Social para com isso mudar a sua vida, a de sua família tendo acesso a educação, saúde, sem esperar alguém chegar até ela e ofereça um direito. É necessário procurar informações e ser protagonista da sua própria vida”, revelou Lurdete Vendrame Kummer – Secretaria de Desenvolvimento de Jandira.

”Essa conferência traz muitos benefícios para nós moradores e podemos expor nossas opiniões e o que é necessário melhorar na cidade”, comentou Afonsina Esteves Pereira de Assis – Dona de Casa.

 

Fique de Olho!

Durante a palestra foi comentado também sobre o Benefício de Prestação Continuada (BCP), onde é um direito assistencial no valor de um salário mínimo para o idoso a partir de 65 anos e a pessoa com deficiência. Para recebê-lo é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único.

 

Como se Inscrever no Cadastro Único?

Para se cadastrar, o responsável pela família, que deve ter mais de 16 anos  e não precisa ser o beneficiário do BPC, família deve procurar um posto de Cadastro Único mais próximo e do Programa Bolsa Família da cidade onde mora ou até mesmo procurar o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS).

A inscrição no Cadastro Único, além de manter o BPC, permite o acesso a vários outros programas sociais, como a Tarifa Social de Energia Elétrica e Carteira do Idoso. O responsável pela família do idoso pode fazer o cadastramento levando os documentos de todos que moram na casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *