Pin It
sexta-feira, outubro 19, 2018
Home > Jandira > Ato em prol da Vida, mobiliza Casas Espiritas de Jandira

Ato em prol da Vida, mobiliza Casas Espiritas de Jandira

Setembro Amarelo – Diga Sim a Vida,  

Suicídio não, temos o Outubro Rosa, o Novembro Azul, e no  mês de setembro tivemos o Setembro Amarelo, não foi atoa que esta foi a cor da vez;  o amarelo compõe a cor do semáforo que vem antes do vermelho, o sinal que impede os veículos de prosseguir. O  Amarelo serve de alerta aos motoristas, desta maneira o faz prestar atenção a tudo a sua volta.

Nos USA na década de 80,  havia que se conter em propagar notícias sobre  suicídio, pois detectou-se que a divulgação de tais episódios ocasionaram mortes por imitação. Atualmente a OMS, Organização Mundial da Saúde  vai na contra mão desta questão, dizendo que precisamos sim conversar.

O número de suicídio só aumenta, em 2016  tivemos 10.575 casos de mortes e as idades variam de pessoas entre cinco anos  a idades que vão a velhice.

Mais quais os fatores que leva a pessoa a cometer medidas tão radicais?

A ideia do suicídio surge provenientes a uma série de fatores; depressão, perda, falta de objetivo, drogas, e  embora se fale muito em depressão, os mais comuns são os atos cometidos quando a pessoa age por impulso.

.No mês de setembro as Casas espíritas trataram do tema em questão,  nas palestras proferidas semanalmente e no no último sábado, mais de vinte voluntários das  entidades realizaram um ato em prol da Vida, o grupo se fixou em dois faróis: o da via expressa Mauri Sebastião Barufi e a Rua Fernando Pessoa, dispuseram as faixas e entregaram panfletos com uma mensagem de Chico Xavier, o movimento foi recebido com simpatia pelos transeuntes.

Na visão materialista, acredita-se que morreu acabou, então o materialista  não acredita na existência da vida após a morte, e munidos desta premissa, o materialista compreende que ao cometer o suicídio terá imediatamente o motivo de sua dor interrompida.

Na visão espírita, acredita-se na imortalidade da alma;  ou seja o que morre é o corpo físico e não o espírito; pois o espírito permanece vivo, porém após o ato de suicidar-se a pessoa tem  seus problemas agravados, embora este sofrimento não seja eterno ele traz consequências graves para aquele que comete o ato.

Com a internet,  uma janela para o mundo se abriu, é maravilhoso falar com nossos amigos e parentes que estão distantes, é  natural esse deslumbramento , e se usada de forma responsável, ela é instrumento de crescimento intelectual, moral e espiritual.

Em contrapartida; é notório o isolamento de pessoas,  grande parte da população tem seu círculo de amizade restrito a  rede social, este mecanismo tem distanciado do abraço, do olho no olho. Há outra questão; como visualizar o olhar triste  ou o semblante angustiado se não o vemos?

É corriqueiro ir aos Shoppings e ver famílias tão próximas e tão distantes umas das outras, Iphones ligados e cada qual isolado do mundo real. Infelizmente crianças ficam em segundo plano porque alguns adultos estão bastante “ocupados” em seus aparelhos, isso poderá trazer um distanciamento entre pais e filhos que mesmo próximos estam distantes..

Medidas devem ser tomadas para coibir este ato tão lamentável, ficar atento ao isolamento, manter diálogos sobre a vida e a importância dela com todos a nossa volta; prestar atenção no comportamento dos nossos familiares e amigos. Ter um encaminhamento espiritual também ajuda a inibir esses pensamentos destrutivos, ocupar-se aprendendo coisas novas, ter objetivos.  

Fica a dica; busque na  internet temas sobre o que ocorre com o espírito após a morte (mesmo que por curiosidade), o programa no Youtube “Transição 236- trata do Suicídio”  o programa é bem esclarecedor, existem vários outros canais na internet que trata do assunto, busque também ouvir relatos de familiares que vivem o luto causado por entes queridos que cometeram o ato. É  muito importante você compreender que o TEMPO é o remédio necessário para sanar qualquer problema.

No caso da idéia do suicídio surgir,  deve se buscar um profissional e na iminência do ato, no Brasil, o Centro de Valorização da Vida (CVV) pode ser contactado através do número 188, A ligação é gratuita, o CVV realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob sigilo por telefone, email e chat 24 horas todos os dias.  

As Casas Espíritas estão com suas portas abertas para acolher todas as pessoas sejam eles familiares que vivem o luto de seus entes ou a pessoa que se encontra triste ou perdida. As Casas Espíritas possuem o atendimento fraterno, nesta ocasião a pessoa é ouvida e acompanhada de maneira carinhosa. O alerta se mantêm em todos os meses do ano e não somente no mês de setembro.

Instituto Espírita Mansão do Caminho

Rua Jerônimo de Moraes,64 – Jd Santa Rosa

Facebook @mansaodacaridade.com.br

Sociedade Espirita O Consolador

Rua Ailton Esteves de Melo, 89 Jd Sol Nascente – Jandira

Fone: 4618 1540

Núcleo Espírita Centelha de Luz

Rua Barão de Itaqui, 111 – Jd Gabriela – Jandira

Whatsapp: 99932-2776

Núcleo de Estudos Espíritas Maria de Nazaré & Vovó Silvina

Rua Vilmari, 63 – Parque do Lagos- Jandira  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *