Pin It
quarta-feira, agosto 21, 2019
Home > Barueri > PS do Imperial recebe ultrassom raro em redes públicas de saúde

PS do Imperial recebe ultrassom raro em redes públicas de saúde

A Saúde de Barueri não para de avançar em termos de tecnologia clínica. A última aquisição da cidade é um moderno aparelho de ultrassom, alocado no Pronto-Socorro do Parque Imperial. O equipamento é tão avançado que raramente é encontrado em equipamentos de saúde pública.

 

A tecnologia já está em uso pelo PS desde que chegou, há cerca de três semanas. “Esse F-08 Expert já é uma linha atualizada, que faz todos os tipos de exame: toda a parte de medicina interna, ginecologia e obstetrícia e musculoesquelético também, além dos protocolos de cardiovascular. Isso é uma coisa que você não tem em qualquer município, é bem diferenciado mesmo. Inclusive, ele tem o software de 4D”, explica, empolgado, o médico coordenador da equipe de ultrassom do PS, Carlos Alberto de Freitas Navarro.

 

O médico destaca a resolução, rapidez e eficiência do novo aparelho, que classifica como “coisa de alto nível”, uma vez que emite resultados digitalizados e imediatos, assim como o laudo do especialista, bem mais detalhado. “O laudo eu retorno para o médico com avaliação do especialista e ali ele define a conduta, se é cirúrgica ou ambulatorial. Isso não tem em outros municípios: você no mesmo dia passa no clínico ou no pediatra, faz exames de sangue, que saem em duas horas, e nesse período em que está aguardando o exame de sangue vem no ultrassom, já volta para o clínico com todos esses resultados”, detalha Navarro.

 

A unidade já dispunha de um aparelho de ultrassom desde que iniciou suas atividades, em setembro de 2017, mas ele ficou obsoleto. “A gente tem um ultrassom, um pouco inferior, da mesma marca, e que ficava deficiente em alguns exames mais específicos. Em alguns casos os médicos ultrassonografistas não ficam confortáveis em determinados laudos, agora com esse aparelho a gente expandiu a qualidade”, declara o membro da superintendência do PS, André Luiz Vianna Oliveira.

 

A rapidez do equipamento também é uma vantagem, pois torna os atendimentos mais ágeis. De acordo com Navarro, o novo aparelho gera uma economia de tempo que chega a 40% em relação ao anterior. “A dinâmica é muito mais rápida, a assertividade, você consegue direcionar melhor as suspeitas clínicas. Acelera bastante o atendimento. A diferença é nítida no tempo do exame, na reconstrução da imagem, na qualidade da imagem”, diz Navarro.

 

Outro grande diferencial citado pela equipe é a capacidade de realizar exames em pessoas obesas, especialmente gestantes de alto-risco com sobrepeso, uma vez que o novo equipamento possui melhor frequência das sondas, possibilitando maior alcance e detalhamento de imagens. E um dos recursos bastante valorizado pelos ultrassonografistas é o doppler, que gera imagens do movimento de tecidos e fluidos corporais.

 

“Toda a parte de medicina interna nós fazemos: abdominal total, superior, inferior, vias urinárias, próstata, a parte de ginecologia e obstetrícia, inclusive com doppler, que identifica se o cisto ou nódulo é vascularizado ou não, pois isso diferencia a conduta médica. É um equipamento completo, ele veio com todos os upgrades da máquina”, garante Navarro.

 

Adaptado à rotina de um pronto-socorro, o aparelho chega a realizar quase 400 exames por mês, funcionando apenas durante o dia. A administração do PS está trabalhando para que seu funcionamento seja de 24 horas, como é o da unidade, que não fecha nunca. No geral, o PS do Imperial tem uma demanda mensal de 24 mil atendimentos.

___

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *