Pin It
domingo, setembro 22, 2019
Home > Jandira > Em Jandira 700 pessoas são atendidas por Ong que obtém recursos do Reciclado

Em Jandira 700 pessoas são atendidas por Ong que obtém recursos do Reciclado

da redação do Folha de Jandira 

 

Considerado lixo para uns para a mente visionária de Dany Pires é  recursos para projeto 

 

 

O projeto teve início em 2013  como trabalho de TCC da jovem universitária Danielle Pires, ele consistia em uma tenda que recebia crianças do bairro da Vila da Amizade do município onde reside,   a jovem contava histórias e outros universitários aderiram a ideia na época, mas a jovem foi mais longe e continuou com o projeto, em 2014 nasceu a OSC Tenda da Solidariedade com sede  na Rua Arujá, 154 – 1° e 2° Andar – Jardim das Margaridas no município de Jandira, daí em diante o projeto tomou grandes proporções.

 

A unidade de Jandira atende cerca de 700 pessoas com idade entre 3 a 85 anos e oferece Cursos de informática, EJA- Alfabetização para adultos, Reforço escolar, Ballet, Inglês,  Libras, Auxiliar administrativo, Karatê, violão, auxiliar administrativo, Unha acrílica, Designer de sobrancelhas entre outros e conta com a colaboração de  27 funcionários e 9 voluntários.   

A Tenda não possui subvenção pública, para custear os diversos cursos oferecidos a entidade desenvolve a sustentabilidade, ela recebe doações de óleo de fritura que é vendido para se transformar em Biodiesel  e do papel reciclado, a doação vem de empresas parceiras e da comunidade, ela também complementa os custos com Bazar, venda de feijoada e Festas ocasionais. A OSC onde quer que esteja inserida tem como missão  gerar transformação social através de ações educacionais e manter o projeto na ativa é um desafio, relata a fundadora Dany, como é carinhosamente chamada pela comunidade. 

A cerca de um ano Dany Pires recebeu um convite da cidade de Pirapora do Bom Jesus, devido a grande procura de professores que buscavam o curso de Libras, a secretaria de Educação da época Dolores de Oliveira fez o convite, e a OSC promoveu  a qualificação dos professores da rede municipal de ensino e de funcionários públicos no Curso da Língua Brasileira De Sinais e não ficou por aí, com apoio da prefeitura que contribui com a doação da reciclagem, da ACIB (Associação de Indústria e Comércio de Barueri)  e da Rede Social da Grande Oeste o projeto se instalou e hoje também se mantém no Município. 

Não é de hoje que o lixo vem sendo o sustento de muitos, mesmo para municípios onde ainda não há coleta seletiva, ultimamente tem se falado muito sobre questões ambientais nas redes sociais com o advento das queimadas na Amazônia, mas o que nós podemos fazer para  contribuir com o meio ambiente?  

Ações simples e importantes:   como por exemplo não descartar nas vias públicas entulho e sujeira, separar  o material reciclável para o catador, pode ainda com um simples gesto contribuir com a Tenda da Solidariedade e com a Natureza, doando o óleo fritura e papel reciclado para este projeto incrível. 

 

Adriana Biazoli – 02/09/2019 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *