Pin It
sábado, outubro 19, 2019
Home > Jandira > Morre aluno da rede municipal de ensino de Jandira, com suspeita de Meningite. 

Morre aluno da rede municipal de ensino de Jandira, com suspeita de Meningite. 

 

A Secretaria de Educação de Jandira convocou  pais dos alunos do 4º ano C da EMEB Vereador Edison Alves dos Santos do município de  Jandira, para comparecem na escola munidos da carteira de vacinação. A convocação se deve a suspeita de meningite que culminou na morte do aluno Nickollas de Sousa Figueira nesta sexta-feira (11).

Nickollas foi sepultado na manhã deste sábado (12), o dia das crianças para a familiares, professores e amiguinhos  do menino Nickollas será lembrado pela perda de uma criança educada, estudiosa e feliz.

Conversamos por telefone com a Secretaria de Saúde, Elizangela Oliveira, que nos disse que já no dia seguinte da morte da criança com suspeita do diagnóstico, a secretaria adotou o protocolo da quimioprofilaxia, ou seja, o monitoramento das pessoas que estiveram em contato com a criança, a atenção é voltada a familiares e as crianças da sala de aula,  como medida de precaução. O departamento de Vigilância Epidemiológica do município, atua nestes casos. 

Em que momento deve se adotar o Protocolo de Quimioprofilaxia? 

Quando confirmado o diagnóstico da doença infecto contagiosa  através de exame laboratorial (fundamental para se saber a etiologia das meningites visando subsidiar a vigilância epidemiológica), seja do LCR ou das hemoculturas ou através critério clínico-epidemiológico.

Qual o objetivo de adotar o protocolo de quimioprofilaxia? 

Diagnóstico e tratamento precoce dos casos, visando à redução da letalidade, acompanhamento e a adoção das medidas de controle.

MEDIDAS DE CONTROLE 

A  quimioprofilaxia: é feita em contatos íntimos do doente (pessoas que residem no mesmo domicílio, ou que compartilham o mesmo dormitório em internatos, quartéis, creches), o modo de transmissão, contato íntimo de pessoa a pessoa, através de gotículas das secreções da nasofaringe. O principal transmissor é o portador assintomático (que não apresenta os sintomas). Na prática, não se faz pesquisa de portador assintomático, mas a quimioprofilaxia dos contatos elimina parte deles, pois a maioria dos casos se contamina com portadores de convívio íntimo.

Todo paciente com sinais e sintomas de meningite (febre, cefaléia (dor de cabeça), vômitos, rigidez de nuca, sonolência, convulsões). Menores de um ano, em geral, não apresentam rigidez de nuca.

Vacinas

 As vacinas contra meningites conferem proteção durante um tempo limitado e são sorogrupo específicas, não induzindo a imunidade cruzada. Sua indicação está na dependência da análise da situação epidemiológica de cada área e do sorogrupo responsável pela elevação dos casos. Não está disponível na rotina dos serviços de saúde, ficando seu uso condicionado a partir da decisão de três instâncias: municipal, estadual e federal, após a identificação do(s) sorogrupo(s) predominante(s) em cada área. O isolamento do paciente só se faz durante as primeiras 24 horas de tratamento, com o antibiótico indicado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *